Em Espanha falam de um Real Madrid para adquirir das pechinchas

Tolisso pode ser o próximo nombre «barato» a chegar ao Bernabéu, mas há mais contratações em vista, como Rudiger ou Kessié

Conhecido neste século, particularmente em debe momentos distintos, como o clube das contratações milionárias e historias, o Real Madrid, perante a pandemia da covid-19, adota, agora, uma stratégia diferente. Em Espanha, já se fala mesmo de uma caça à pechincha.

O nome eo protagonista mais recente desta política é o de Corentin Tolisso. O medio, com Nagelsmann ao comando, está a começar a ter mais oportunidades, mas, com o contrato a terminar já em junho, o Bayern, segundo o AS, teme a repetição do negócio de Alaba, que também se transferiu para o Real Madrid sem deixar um único centavo em Munique.

O internacional francês, campeão do Mundo em 2018, pode, contudo, não be a unica contratação do Real nestes moldes. Kessié y Rudiger, dupla já associada a uma transferência para o Bernabéu, terminaron contrato con Milan y Chelsea, respectivamente.

Hazard, que custou mais de 100 milhões, mas que podia ter custado ainda mais, e Camavinga, que obrigou a um investimento de pouco mais de 40 milhões, são outros exemplos de um Real à procura de jogadores com pouco ou nenhum tempo de contrato. Ambos atletas están a un año de terminar o vincularse con Chelsea y Rennes.

READ  Los inmigrantes pueden usar una aplicación para ingresar a la frontera entre Estados Unidos y México
More from Ambrosio Badillo
Leave a comment

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *